domingo, 28 de outubro de 2012

A paixão está "nua"

Nú, nú, nú, eu quero ficar nú

Sem máscaras nem fingimentos

Quero ser visto profundamente

Visto vulneravelmente

Num estado exclusivo das almas livres

Vem comigo!

Quero te contaminar de loucuras

Há noites que sonho com o paraíso

Amar com todo o coração

Mesmo que não haja garantias

E que isso seja realmente difícil

Dolorosamente difícil

Vem comigo!

Eu fui contaminado por loucuras

Por uma vida livre e selvagem

Por loucura, nudez e coragem!

Vem comigo!

Porque a energia do coração é apaixonada 

Ela não ouve a voz do medo


Vem comigo!

Eu quero te contaminar de loucuras 

E realizar coisas que, de outro modo, seriam impossíveis.

Vem comigo!

Porque desapaixonadamente eu até gostaria de amar, mas não vou; 

Gostaria de me envolver, mas prefiro a proteção;

Gostaria de gritar e cantar a música que minha alma criou, mas esqueci o que é ser espontâneo.

Vem comigo!

Atravessar as areias escaldantes do desejo

Num estado exclusivo das almas livres

Há noites que sonho com o paraíso

E com beijos ao luar,

em ilhas de fantasia

Até a febre acabar!

Autor: Tiago Bueno




Nenhum comentário:

Postar um comentário